terça-feira, 1 de agosto de 2006

Edição de pesquisa no Estadão favorece Alckmin

A única notícia que a pesquisa do Ibope para O Estado de São Paulo sobre as intenções de voto em São Paulo trouxe foi a diminuição da diferença entre Geraldo Alckmin e o presidente Lula no segundo turno, mas o jornal preferiu abrir a matéria e dar o título para uma não-notícia – "Alckmin vence Lula com folga em SP", referindo-se a diferença de 10 pontos percentuais pró-Alckmin (43% a 33%). Na enquete anterior, feita uma semana atrás, a diferença era exatamente a mesma (42% a 32%). Portanto, não há novidade alguma no título do Estadão.

Na simulação de segundo turno, Alckmin bateria Lula por 51% a 37% – 14 pontos percentuais. Essa diferença era, no levantamento anterior, mais favorável ao candidato do PSDB (52% a 35%, 17 pontos percentuais). Foi a única oscilação relevante, no limite da margem de erro e era, portanto, a única notícia relevante da pesquisa, mas o Estadão preferiu escondê-la e dar um título que, a rigor, não está errado, mas é claramente favorável a Geraldo Alckmin.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.