terça-feira, 24 de março de 2009

Para entender o presidente do Brasil

"Uma gripe, num cabra muito fino, deixa ele de cama. Num cabra macho, ele vai trabalhar e não perde uma hora de serviço por causa de uma gripe."

A frase acima foi pronunciada ontem pelo presidente Lula em Recife, Pernambuco, durante evento em uma fábrica da Sadia. Muita gente vai dizer que a analogia da gripe com os efeitos da crise no Brasil é uma estupidez e que o presidente só fala abobrinha, é um completo néscio. Quem pensa assim não entende patavinas de comunicação. Lula pode ser inculto, mas não é nem um pouco estúpido. Na verdade, é bem mais inteligente do que a média e sua intuição política é espantosa. O que o presidente disse em Pernambuco é um exemplo perfeito de sua inesgotável capacidade de se fazer entender pelo público ao qual está falando. Os "cabras finos" naturalmente tapam o nariz, enojados, mas os "cabras machos", que estão mesmo acostumados a não faltar ao trabalho nem se a gripe for uma pneumonia, naturalmente entedem e aplaudem a mensagem do presidente. Boa parte dos agora 78% de popularidade de Lula está justamente aí, na capacidade de se comunicar com a massa. Infelizmente para os tucanos, isto não se ensina na Sorbonne ou em Harvard...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.