segunda-feira, 18 de maio de 2009

Manipulando números

Inacreditável a manchete do UOL sobre os bons números do emprego formal em abril: "Geração de emprego formal cai 94% no ano". Evidentemente, o fato relevante é a recuperação das contratações e não a comparação com abril de 2008, em cenário anterior à crise, quando a economia estava bombando. Este blog aposta que quando chegar setembro, outubro, os veículos do grupo Folha utilizarão sempre a comparação com o mês anterior (porque a comparação com o mesmo mês do ano anterior será sempre muito favorável ao governo, já que foram naqueles meses que se verificaram as maiores quedas). Estatística é algo que se presta a toda sorte de manipulação.

Um comentário:

  1. Luiz, sabe o que eu penso sobre isso (aliás, pode notar que faz tempo que leitores de seu blog já deixaram de apontar essas manipulações já batidas)? Essa tática já ficou cansativa e pode muito bem virar contra seus autores. Da mesma forma são as matérias sobre os salários do funcionalismo público que saem todo domingo na Folha ou no Estadão. Cansou já e, se bobear, até quem não acreditava nessa manipulação já a sacou, pois passa a ser algo que realmente não bate com a realidade. Sem contar que tem aquela conhecida sensação, bem particular dos mais velhos quando assistem a telejornais: ninguém suporta esse bombardeio de notícias ruins, ninguém mesmo. E é incrível como, também, as manchetes são construídas de tal modo a passar a impressão de que nada no Brasil funciona, ao contrário da cidade e do estado de SP, em que tudo vai às mil maravilhas, exemplos de eficiência e gestão...

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.