segunda-feira, 11 de maio de 2009

PSDB terá que explicar Yeda em 2010

O PT e demais partidos de oposição no Rio Grande do Sul estão fazendo um certo corpo mole para investigar mais a fundo a desastrosa gestão da governadora Yeda Cruisius (PSDB) no Estado. A questão é simples: quanto mais perto das eleições do próximo ano ocorrerem as investigações acerca das inúmeras denúncias de corrupção, melhor. A lambança em terras gaúchas é tanta que até a revista Veja, totalmente insuspeita de anti-tucanismo, apresentou nesta semana mais uma reportagem revelando o caos que tomou conta da administração tucana no Rio Grande. Se der certo a estratégia petista, a gestão Yeda será assunto obrigatório no debate eleitoral em 2010, inclusive em nível nacional. Serra (ou Aécio) terá um cadáver insepulto para carregar durante a campanha...

2 comentários:

  1. Pedro P. Tardelli11 de maio de 2009 12:28

    Agora que o órgão oficial da oposição deu realce à notícia (acerto de contas?), todos ficarão sabendo mais detalhes do "modo tucano de governar". Enquanto revistas, jornais e blogueiros comprometidos com a verdade "verdadeira" divulgavam os podres desse desgoverno, tudo ficava restrito aos gauchos e formadores de opinião Brasil afora...

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.