quarta-feira, 8 de abril de 2009

Serra usará lei antifumo na campanha?

O governador José Serra (PSDB) é pré-candidato à presidência da República. Ontem, foi aprovado um projeto de seu governo que acaba com o fumo em locais fechados, públicos e privados (à exceção de residências e tabacarias), no Estado de São Paulo. É uma das leis mais duras contra o tabaco no mundo. Serra poderá posar de guardião da saúde das pessoas na campanha de 2010, o que pode, sim, render votos. Mas o Brasil é um pouco mais complicado do que isto e a falta de "jogo de cintura" - a medida tem um certo viés autoritário - também poderá ser um argumento contra o governador. A pose de durão ajuda, mas pode atrapalhar. Se o saldo será positivo ou negativo em termos eleitorais, só o tempo dirá.

2 comentários:

  1. Na posição de fumante reconheço os males que o fumo causa a saúde, no entanto, não isso o que está em jogo. O que de fato está em jogo é a liberdade. Essa medida é das mais autoritárias como já vi no Brasil, e é bem a cara da direita...

    Serra que no emio político já é conhecido pelos metodos autoritários, acaba de marcar um belo gol contra...

    Pior tanto pra ele quanto para os paulistas...

    Hudson Luiz

    www.dissolvendo-no-ar.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Nos EU houve uma série de... como diria... "saídas criativas" para o smoking ban em bares e nightclubs. Resumindo, os bares passaram a anunciar espetáculos teatrais em que os atores acenderiam cigarros (se utilizando de uma brecha na lei de espetáculos que permitia que isso fosse feito, desde que avisado na entrada das salas de espetáculo) e passou a nomear os clientes fumantes como atores. Alguns bares até distribuíam trajes e incentivavam clientes a fazer algum tipo de happenig...

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.