segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Furo do Terra Magazine: Marina sairá do PT

A informação ainda não é oficial, mas está no excelente site Terra Magazine, comandado por Bob Fernandes: Marina Silva deixará mesmo o PT para ser candidata à presidência pelo PV. A candidatura de Marina pelo PV já foi analisada neste blog (aqui).

A se tornar um fato concreto da política brasileira, a candidatura de Marina certamente deve provocar novos arranjos em torno das demais forças que se enfrentarão em 2010. O tucano José Serra, por exemplo, deve ser empurrado a navegar pelas correntes mais conservadoras da sociedade, pois os espaços à esquerdas ficarão extremamente congestionados com Marina e Dilma Rousseff. Também é provável que Serra (ou Aécio Neves) procure uma mulher para compor a chapa, uma vez que serão duas do lado de lá, concorrendo ao cargo mais alto da República. Do ponto de vista de Dilma Rousseff, por outro lado, talvez seja necessário um vice mais antenado com as questões ambientais, e no PMDB aparentemente não há ninguém com este perfil.

Também pode ser que a candidatura de Marina anime outros partidos a lançar nomes para concorrer à presidência - Ciro Gomes (PSB), por exemplo, pode ser um segundo cavalo do governo na disputa, já que a fragmentação do eleitorado favoreceria a realização de um segundo turno, ao passo que com três nomes na urna eletrônica o candidato José Serra pode acabar favorecido, pois agregaria o eleitorado conservador contra uma divisão do campo progressista. Para vencer a eleição, como se sabe, não é preciso 5o% mais um do total de votos, mas apenas uma votação maior do que a dos demais candidatos, excluídos os brancos e nulos (o que equivale a 50% mais um dos tais votos válidos). Daqui para frente, a classe política vai ficar de olho nas pesquisas, fazendo contas para entender as consequências da nova candidatura. Por que a se confirmar a informação do Terra Magazine, agora é fato: Marina vem aí.

10 comentários:

  1. Se ser "ambientalmente antenado" garantisse eleição de alguém, descontado a diferença de momentos históricos, certamente hoje seríamos governados pelo sr. Gabeira, aquela personagem ética da república. Não bastasse isto, parece-me que a mídia em geral -blogueiros inclusos- está supervalorizando o alcance da ex-ministra. Não está na hora de perguntarem a seus botões se ela realmente tem este peso que lhe estão atribuindo?
    Cordialmente,
    Deusdédit R Morais

    ResponderExcluir
  2. Acho que evangélica Marina se cansou de pagar dízimo para a igreja e para o PT todo santo mês.
    Resolveu entrer para outra turma. Os que recebem dízimos.
    Não, não digo que ela está sendo corrompida ou que teria interesses financeiros, mas o pessoal com quem está se envolvendo, e ela, pelos seus longos nos de política, sabe muito bem, é o que existe de pior na política brasileira. A beirada, a rapa da panela.

    Frank

    ResponderExcluir
  3. Acho que o mais provável é que Marina tire votos de Serra por sua nova condição de queridinha da mídia. O fato de ser evangélica pode puxar votos de uma parte desse eleitorado que, via de regra, é conservador.
    Pena que Marina tomou essa decisão, resultante de articulações políticas entre Serra e o PV. Será estrela por uma temporada e depois irá para o ostracismo, pois Serra é assim: usa e joga fora.

    ResponderExcluir
  4. Parece evidente que a senadora Marina Silva está é desembarcando do PT, pois imagino que fica difícil depois de ter feito parte deste governo e ter sido relegada a mera figurante, e agora pedem para que ela, ainda mais sendo do norte do pais, se imiscua com Sarney, Jader et caterva foi demais.
    Fica uma pergunta: e os tão outros éticos do PT continuarão a seguir o Grande Lider e seus apiniguados?

    ResponderExcluir
  5. Marina vai sujar sua biografia! O PV hoje, no Brasil, mas também em outros países, perdeu totalmente o contato com seus ideais originais, basta ver a atuação de gente como Sirkis, Gabeira (alinhando-se aos poluidores e porcos neoliberais) e Minc. Acho muito arriscado, além de ser uma óbvia manobra $errista-tucânus-DEMo-PêFêLê, pra enfraquecer a candidatura Dilma

    ResponderExcluir
  6. O Serra, prá contrabalançar as candidaturas femininas de esquerda(?),deveria apresentar como candidata à vice, a senadora do DEM, adepta da motoserra.

    ResponderExcluir
  7. olá,acho que no primeiro turno todas canditaturas são validas, Marina vai atrapalhar Dilma Sim! mais por que não tentar o poder.ela vai ser coerente e no segundo turno irrar apoiar a Dilma.

    ResponderExcluir
  8. Se for canditada Marina Silva deve repetir o feito de Heloisa Helena, que conseguiu eleger Collor para o Senado, desta vez pode agraciar figuras como Orleir Camelli ou Flaviano de Mello. a conferir

    ResponderExcluir
  9. A Marina está caindo no jogo Serrista e demotucano. Uma boa candidata a vice para Serra, seria a Yeda Crusius. "Pense numa dupla".

    ResponderExcluir
  10. como vai ficar o Rio? Gabeira vai fazer campanha só pra Marina? Aí o Serra si fu, pois os outros candidatos fortes são todos pró-Dilma (Cabral, Garotinho e Lindenbergh)

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.