segunda-feira, 25 de junho de 2007

ACM ou Mônica Veloso, quem mentiu?

Quando começou o escândalo envolvendo a pensão da filha do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o senador Antonio Carlos Magalhães (DEM-BA) se referiu à jornalista Mônica Veloso, mãe da menina e beneficiária da pensão, como "minha ex-nora". Era uma referência ao caso que a jornalista teria mantido com o falecido deputado Luís Eduardo Magalhães, filho de ACM. Pois não é que Mônica negou, em entrevista concedida ao jornal Folha de S. Paulo no domingo, o relacionamento com Luís Eduardo? Mente ACM ou mente Mônica Veloso?

É certo que em Brasília muita gente aumenta (e inventa) o número de casos de políticos com jornalistas, mas em geral quem nega tudo são os políticos e não as jornalistas... O tal affair de Mônica com Magalhães já foi parar em páginas de diversos jornais e até uma briga do casal, no restaurante Piantella, foi reportada com detalhes que só poderiam se descritos por quem viu a cena – Mônica teria, em uma crise de ciúmes, virado, no colo do deputado, a mesa em que ele jantava, acompanhado de outra mulher. Talvez nada disto tenha acontecido e tudo não passe de uma alucinação do senador Antonio Carlos. Faz todo sentido.

Um comentário:

  1. Quem mentiu? Foi a vaca do "Rei do gado". Enganou dizendo pesar dois quilos a mais que o real.

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.