terça-feira, 3 de julho de 2007

Renan: constrangimento histórico

A sessão do Senado Federal desta terça-feira está reservando ao presidente da Casa, Renan Calheiros (PMDB-AL), um histórico constrangimento: o senador assiste, com cara de paisagem, a uma inusitada discussão sobre a conveniência de sua própria renúncia à presidência do Senado. No fundo, Calheiros já não é mais presidente de fato do Senado. Ainda está no cargo, mas já não impõe o devido respeito aos seus pares. A queda final pode demorar dias, semanas ou meses, mas já não há muita dúvida sobre a total impossibilidade de Renan permanecer presidente do Senado. Se sair logo, mantém o madato; se insistir no confronto, talvez nem isto...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.