terça-feira, 3 de julho de 2007

Em quanto tempo Calheiros cai?

Este blog lança o desafio: quantos dias, a contar desta terça-feira, 3 de julho, vai levar para o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), deixar o cargo? É realmente difícil prever, mas que a situação política do senador ficou insustentável, não há mais dúvida alguma. Quem acompanha essas Entrelinhas sabe que não se está aqui duvidando da inocência de Renan – até agora não foi apresentada uma única prova de que ele tenha realmente utilizado dinheiro da Mendes Júnior para pagar a pensão de sua filha com Mônica Veloso. O problema é outro, de caráter político: Calheiros perdeu a moral para presidir o Senado. Só isto explica o espetáculo grotesco da tarde de terça-feira, quando os colegas do sempre tão afável presidente da Casa pediram, na sua frente, o seu afastamento da presidência. Para bom entendedor, meia palavra basta: os senadores, no estilo particular de suas falas empoladas, mandaram o mesmo recado que Roberto Jefferson deu ao então ministro José Dirceu de forma mais sucinta: sai, Renan, sai daí rapidinho. Este blog não consulta videntes, mas tem um palpite: Calheiros cai em menos de 30 dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.