terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Serra quer ser unanimidade. Conseguirá?














A foto ao lado – Serra com os primeiros-filhos Lulinha e Sandro, além da primeira-nora Marlene – não deixa dúvidas. O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), não pensa em outra coisa a não ser em suceder o presidente Lula a partir de 2011. Ele está trabalhando com afinco para ser uma espécie de "unanimidade" na eleição de 2010 e já se fala nos bastidores que vai mover os pauzinhos para deixar o caminho do governo de São Paulo aberto para o PT – leia-se, Marta Suplicy. Evidentemente, vai perder dinheiro quem apostar que Serra é um sujeito de confiança. Muita água vai rolar até outubro de 2010 e este blog, sem consultar videntes, continua aceitando apostas: José Serra não vai ser presidente do Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.