quarta-feira, 20 de setembro de 2006

Datafolha dá vitória de Lula no 1° turno, mas tucanos apostam em crescimento na reta final

O signatário deste blog esteve ontem com o ex-governador Geraldo Alckmin nos estúdios da Rede TV!, em Barueri (SP), onde o candidato tucano à Presidência participou do programa Vote Certo, apresentado por Marcelo Resende. Alckmin não se abala com as pesquisas e parece movido por uma confiança esotérica na passagem para o segundo turno. Ele gosta de dizer que em 2002 só passou para a primeira colocação nas pesquisas no dia 20 de setembro, 10 dias antes da eleição. Este blogueiro acha que essas coisas acontecem, assim como acontece de um sujeito como o lateral Josimar virar titular da seleção brasileira e ainda acertar um petardo no ângulo logo na estréia com a camisa amarela. Da mesma forma como o Josimar nunca mais acertou outro chute daqueles, a lei das probabilidades manda dizer que movimento igual ao de 2002 para o mesmo Geraldo Alckmin é uma possibilidade bastante remota.

A análise política deve levar em conta o plano racional, não o esotérico. Talvez Alckmin tenha recebido em sonho um recado do além de seu guru Josemaría Escrivá de Belaguer, fundador da Opus Dei, garantindo a vitória na eleição deste ano, mas a verdade é que a situação do candidato do PSDB é muito complicada eleitoralmente. Ele tem 10 dias para tentar mudar o voto de 7 milhões de brasileiros e forçar assim o segundo turno. Se não tivesse havido o escândalo dos dossiês, este blog já daria como sepultada a candidatura tucana. Com o caso, porém, há uma réstia de esperança para Alckmin. Na sexta-feira, o Datafolha fará outra pesquisa. Se Lula não tiver caído pelo menos 3 pontos, os tucanos podem começar a pensar no futuro.

6 comentários:

  1. Pegou pesado com o picolé, heim?
    Também acho remotas suas chances de chegar ao segundo turno, mas não apelaria para o esotérico, eu seria mais realista e pensaria nos respingos freudianos e nas "duchas de água fria" Lorenzetti. Não precisaria de nada de outro mundo, não!
    A propósito do seu texto, há um erro ortográfico: estotérico!

    ResponderExcluir
  2. Sinto informar mas o Josimar marcou ainda um outro gol naquela Copa...

    ResponderExcluir
  3. hahahahahah...o Josimar foi fantástico...

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  5. De fato, o Josimar realmente marcou outro gol, contra a Polônia, mas golaço mesmo foi só o primeiro, embora o segundo também tenha sido bonito...
    E obrigado pela observação do erro, já foi corrigido.

    ResponderExcluir
  6. A turma anda doida prá viajar de camburão!!!! Ah, desculpa, é só prá Pobre!

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.