quinta-feira, 19 de abril de 2007

Selic cai para 12,5%

A taxa de juros brasileira é alta? Sim, muito alta. É a maior do mundo? Pode até ser, mas isto não é certo: as pesquisas comparativas em geral levam em conta no máximo 50 países. Nenhum economista brasileiro sabe a taxa da Guiana Francesa (14% em 2004, segundo o Google), por exemplo... De toda maneira, entre os países pesquisadas, a taxa do Brasil é, sim, a maior. Está tudo muito certo, mas há algo que não dá para esconder: com a queda da Selic para 12,5%, o Brasil tem hoje a menor taxa nominal da história. É chato para os Democratas (com maísucula, porque são os ex-pefelistas – não confundir com os democratas, com minúscula, que são os cidadãos que professam a crença na democracia) e tucanos, mas o fato aconteceu no governo Lula. Aliás, daqui para frente vai ser recorde atrás de recorde: juros, risco-país, exportações, mercado de capitais e tantos outros indicadores econômicos. Tudo sob Lula, para a tristeza de Fernando Henrique Cardoso, que achava que tinha dado "o melhor de si". Como diz o velho ditado, é fácil falar, difícil é fazer.

4 comentários:

  1. A Mídia na Berlinda: 1) No ano passado, a Editora Abril vendeu parte de seu capital a um grupo sul-africano. Matérias publicadas da revista Veja, insinuaram que empresa do filho de Lula, em parceria com a TV Bandeirantes estaria recebendo publicidade oficial indevida. Mas a Band não deixou barato. Em retaliação a Abril, veiculou, no seu telejornal noturno (terça-feira), um duro editorial em que insinuou que haveria ilegalidades na aquisição das cotas da Editora Abril pelo grupo empresarial sul-africano. 2) Por outro lado, no final de 2006, Roberto Requião não perdoou ninguém e meteu o pau na imprensa, entre elas: Folha de São Paulo, CBN, Mirian Leitão até Pedro Bial, entre outros. 3) Por que Lula é tão popular? Lula parece se converter em um enigma a ser decifrado, tanto para a direita, quanto para a esquerda. Reflitamos conjuntamente sobre por que Lula é tão popular?.Acesse o DESABAFO PAÍS: http://desabafopais.blogspot.com Um abraço, Daniel Pearl.

    ResponderExcluir
  2. O um dos maiores inimigos dentro do governo Lula é o BANCO CENTRAL e o neoliberal MEIRELES. É uma vergonha o comportamento político da base aliada em permanecer calada diante do ditames dos EUA e FMI. Um abraço, Daniel Pearl.

    ResponderExcluir
  3. Ô Daniel, essa história de ditames dos EUA e do FMI parece refrão da década de 1960. O Meirelles e parceiros agem em nome do mercado financeiros globalizado, que não tem pátria nem fundo monetário, o qual (FMI), aliás, já está com graves problemas de gestão e sobrevivência.

    ResponderExcluir
  4. Nosso presidente tem muitas virtudes.
    E nao e' por acaso que nosso pais esta muito melhor.
    Mas e' evidente que nosso presidente e' frouxo. Nao tem coragem de fazer qualquer acao que desagrade o "mercado". Foi imperdoavel o que Banco Central fez 3 dias depois de anunciado o PAC. Se o presidente nao fosse frouxo, fosse um estadista, teria mandado o Meirelles para casa. E teria obrigado o banco central abaixar aceleradamente a taxa de juros.
    Gosto do Presidente Lula. Mas que ele e' frouxo ele e'.

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.