terça-feira, 11 de setembro de 2007

Vice de Alagoas pode se tornar senador

O vice-governador de Alagoas, José Wanderley Neto (PMDB), pode acabar senador da República, caso o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), seja mesmo cassado. José Wanderly é segundo suplente de Renan. O primeiro suplente, José de Oliveira, é sócio de Renanzinho, filho de Calheiros, na empresa de comunicação Costa Dourada, objeto de investigação do segundo processo que corre no Conselho de Ética do Senado contra Calheiros. Se restar provado que Oliveira é mesmo mais um laranja de Renan, será difícil que ele aguente muito tempo no Senado. Neste caso, Wanderley terá que optar entre permanecer vice-governador ou assumir o mandato de senador. Se preferir ficar nas Alagoas, o estado terá nova eleição – uma porta aberta para Heloísa Helena (PSOL) voltar ao Senado...

Um comentário:

  1. O que poderia explicar o empenho da Vestal das Alagoas neste caso.

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.