quinta-feira, 8 de junho de 2006

TSE volta atrás e afrouxa a verticalização

O Tribunal Superior Eleitoral acabou de rever a decisão que havia tomado na noite de terça-feira sobre a regra da verticalização das alianças eleitorais. Pelo que se pôde entender até aqui da sessão do TSE, ainda em curso, a regra para as alianças neste ano será interpretada da mesma forma como ocorreu em 2002. Ou seja, as negociações podem agora voltar ao ponto em que estavam na segunda-feira, antes de o TSE promover uma verdadeira bagunça na política brasileira. Não é nada, não é nada, três partidos cancelaram ou adiaram as suas convenções. E os ministros do TSE estão passando por um ridículo talvez sem precedentes na história do tribunal ao voltar atrás em uma atitude considerada arrojada apenas 48 horas depois da decisão original.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.