terça-feira, 19 de dezembro de 2006

O aumento caiu. E agora, o que vem pela frente?

O Supremo Tribunal Federal mostrou que a Justiça pode ser rápida e derrubou o aumento de 91% auto-concedido pelos parlamentares. Na verdade, pela decisão do STF o aumento terá que ser votado no plenário do Congresso para que os deputados e senadores confirmem (ou não) o percentual. Está aberta a bolsa de apostas: de quanto você acha que será o reajuste que os parlamentares votarão nos próximos dias? O bode saiu da sala, mas qualquer coisa acima da inflação também é um acinte, ainda mais no momento em que o Congresso discute o aumento do salário mínimo nesses termos.

Um comentário:

  1. Devemos continuar pressionando o congresso para que não seja aprovado o aumento! Caso contrário o aumento será concedido agora como LEI. Ai não vamos conseguir fazer mais nada contra!

    Vamos nos mobilizar! Participe a divulgue os movimentos que estão sendo criados.

    Nesse blog (eutambemvoureclamar.wordpress.com) é possivel enviar um e-mail para todos os deputados. Envie o seu e divulgue! Vamos vencer!!!

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.