terça-feira, 22 de setembro de 2009

"Sem caráter de ofensa pessoal" pode?

Coisa finíssima a matéria abaixo, e mais ainda a justificativa do governador do Mato Grosso do Sul para as agressões gratuitas ao ministro Carlos Minc. Doravante, este blog adotará a mesma postura de Puccinelli ao escrever sobre o pré-candidato tucano José Serra (PSDB). Qualquer coisa publicada aqui será "sem caráter de ofensa pessoal".


Governador do MS xinga Minc por ações ambientais e defesa da maconha
Maurício Savarese
Do UOL Notícias

O governador do Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), usou palavrões nesta terça-feira (22) para atacar o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, por defender a descriminalização da maconha e promover ações ambientais no seu Estado. Em reunião com empresários, o peemedebista afirmou que Minc é "viado e fuma maconha".

Mais tarde, o site do governo do Mato Grosso do Sul divulgou nota dizendo que as declarações de Puccinelli foram "sem caráter de ofensa pessoal" e que ele tem entrevista coletiva às 16h30 para tratar do assunto.

Por meio de sua assessoria de imprensa, Minc afirmou que Puccinelli "é um truculento ambiental que quer destruir o Pantanal com a plantação de cana-de-açúcar. Essa declaração revela o seu caráter".

2 comentários:

  1. E teve mais: segundo o link http://www.viomundo.com.br/voce-escreve/governador-xinga-ministro/ "Ele disse ainda que pretendia “estuprar o ministro em praça pública”."

    ResponderExcluir
  2. Ora, Luiz, arrisca. O pior que pode acontecer com você é surgirem dossiês a seu respeito sem origem identificável. Ou ser grampeado. Tenta.

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.