domingo, 11 de novembro de 2007

O petróleo de Lula é velho?

Já tem gente dizendo que o anúncio da quantidade de óleo que poderá ser extraída do campo de Tupi, no litoral de São Paulo, realizado na semana passada pela ministra Dilma Rousseff, foi mais um golpe de marketing do governo Lula, já que a potencialidade do campo já era conhecida faz alguns anos. A intenção do governo seria desviar as atenções da tal crise do gás, que estaria em vias de explodir com um aumento de mais de 15% no GLP. Cautela e caldo de galinha não fazem mal a ninguém: a Petrobras não poderia simplesmente "segurar" uma informação como a da quantidade de petróleo no novo campo sob risco da coisa toda vazar e a empresa ser punida pela CVM e responder a processos judiciais de toda sorte, tantos seriam os prejudicados pela falta de transparência. Lula pode fazer muita coisa malvada, mas não pode inventar uma história de bilhões de barris e muito menos "esquentar" uma notícia velha. Ademais, as ações da Petrobras não subiriam 15% em um único dia se a notícia não fosse nova e importante. É mais fácil acreditar que Lula "nasceu não com aquilo voltado para a lua, mas com a própria lua no corpo", conforme teria dito um governador ao presidente em Zurique, segundo relato da jornalista Mônica Bergamo...

Um comentário:

  1. O PIG e a direita raivosa como sempre tentando esconder ou diminuir as muitas e muitas coisas boas que o governo Lula vem fazendo ou com relação às quais contribuiu ou contribui consideravelmente ou de modo decisivo. Quanta inveja! Quanta truculência! Quanto egoísmo!

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.