quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

Desemprego em SP é o menor desde 1996

A notícia abaixo faz parte da série "É a economia, estúpido", que explica a altíssima popularidade do presidente Lula. Antes que alguém pergunte, claro que a taxa ainda é altíssima. A diferença é que no tempo de Fernando Henrique, o desemprego crescia – todo mundo conhecia alguém que tinha recebido o bilhete azul –, ao passo que desde a posse de Lula o desemprego vem caindo – hoje, todo mundo conhece alguém que conseguiu arrumar um emprego. Essas coisas fazem uma diferença brutal na confiança e auto-estima das pessoas.

Desemprego em São Paulo tem a menor taxa desde 1996

Petterson Rodrigues

São Paulo - A taxa média de desemprego na região metropolitana de São Paulo em 2007 foi a menor desde 1996. No ano passado, a taxa ficou em 14,8%, enquanto a de 1996 foi de 15,1%. No período, a taxa média de crescimento do nível de ocupação foi de 2,3%, o que corresponde à criação de 198 mil postos de trabalho, e 84 mil pessoas saíram do desemprego. Os dados são da Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), divulgada hoje (30) pela Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade) e pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.