sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Míriam Leitão: Obama já errou

"O pacote fiscal de Obama é insuficiente. É menor do que o que será perdido este ano pela recessão e representa, na melhor hipótese 0,75% do PIB americano. Obama terá que ser ousado, ter medidas convincentes, para usar o momento a seu favor. Aqui, os juros caíram para 12,75%, mas precisam cair mais. Não por pressão política, mas por razões técnicas: a inflação está cedendo e a economia, derretendo."

As palavras acima foram escritas por Míriam Leitão em seu blog. Chega mesmo a ser engraçada a arrogância da colunista, que já decretou o fracasso do plano do presidente Barack Obama antes mesmo dele ser apresentado ao distinto público. Já no Brasil, a economia está "derretendo" e os juros precisam cair "por razões técnicas", não políticas.

É preciso dar um desconto para a colunista global: o mundo em que ela vivia e acreditava, da livre iniciativa, desregulamentação, do "mercadismo" desmoronou em setembro do ano passado e desde então Leitão e outros analistas que professavam fé no neoliberalismo ficaram muito confusos e nervosos, tentando se agarrar em qualquer bóia para não afundar nas profundezas do descrédito e esquecimento.

Bem, em primeiro lugar, ninguém sabe se o plano de Obama vai dar certo ou não porque ainda falta muito detalhamento sobre o plano. Míriam acha insuficiente a quantia de R$ 850 bilhões, mas é preciso saber como o novo presidente vai usar este recurso. Ela não sabe, talvez nem mesmo Obama saiba neste momento, deve estar estudando as alternativas. A crítica, portanto, é leviana.

Quanto à necessidade dos juros baixarem por "razões técnicas", trata-se de uma manjada artimanha dos conservadores, que tendem a desprezar as motivações políticas e endeusar as "técnicas". Ora, toda decisão econômica tem um fundo político. É claro que o BC leva em consideração os aspectos técnicos ao tomar suas decisões, mas no fundo a responsabilidade pela política monetária é do presidente da República, que a qualquer momento pode, no limite, demitir o presidente do BC e botar alguém alinhado com a política monetária que ele decida implantar. Leitão e demais analistas neoliberais têm como dogma o regime de metas de inflação e as demais premissas da atual política econômica (responsabilidade fiscal, alto superávit primário, etc). Lula e Meirelles podem até estar certos em manter a atual política econômica, mas ela não é necessariamente correta em qualquer situação. Se necessário for, na atual situação de crise financeira global, correções de rumo poderão ser feitas e talvez para isto seja necessário nomes novos para executar essas mudanças. É simples assim, mas Leitão certamente soltaria grunhidos estridentes contra o presidente Lula se esta hipótese se concretizar.

No fundo, ler os comentários de Míriam Leitão são bastante úteis e servem como uma bússola: se ela está pensando assim, o correto deve ser assado... Podem conferir, não tem erro!

3 comentários:

  1. Parafraseando o Luiz Carlos Azenha, eu sempre me balizo pelos comentários da Miriam Leitão. Tudo o que ela diz, eu faço exatamente ao contrário. E tem dado certo!

    ResponderExcluir
  2. O mundo da grande imprensa parece Alice no país das Maravilhas. Tem o Chapeleiro Maluco, a Leitoa que fala do avesso(se não está no livro, deveria)...quem mais? O Diogo parece aquele gato sacana que não tira o imenso sorriso sarcástico da cara. Qualquer dia vou classificar esses personagens do reino da fantasia. É melhor que se indignar com gente que te quer fazer de palhaço.

    ResponderExcluir
  3. O blog Dilma13: http://dilma13.blogspot.com/ é um blog independente, sem fins lucrativo, sem patrocinador, sem receber nenhum tipo de ajuda financeira seja do governo, de políticos, de partidos políticos, e mesmo de particulares. Foi idealizado pelo Daniel, e conta com a minha modesta colaboração. O blog Dilma13 desenvolve um trabalho para que fique registrado o bom trabalho feito pela ministra Dilma Rousseff, Chefe da Casa Civil, e responsável pelo PAC, Plano de Aceleração do Crescimento. Pretendemos com isso dar conhecimento aos leitores do blog, o bom desempenho do governo Lula e a competência da ministra Dilma em desenvolver com muita seriedade, responsabilidade, os programas de investimentos do governo Lula. A ministra Dilma está sendo cotada pelo presidente Lula para ser a sua candidata sucessão em 2010, pelo bom trabalho que ela vem desenvolvendo como chefe da Casa Civil. Dar continuidade aos projetos do governo que beneficiam o país, todo povo brasileiro, e principalmente os mais pobres antes excluídos da sociedade pelo governo anterior do PSDB, de FHC, é o desejo do presidente Lula, e de todas as pessoas responsáveis e conscientes que amam este imenso Brasil. Jussara Seixas - editora.

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.