quarta-feira, 14 de fevereiro de 2007

Secretário paralisa obras da linha
4 e ridiculariza presidente do Metrô

O secretário de Estado dos Transportes Metropolitanos, José Luiz Portella, anunciou há pouco a paralisação das obras de pelo menos 17 das 23 frentes de trabalho existentes na Linha 4 (Amarela) do metrô de São Paulo.

O anúncio da suspensão ocorreu poucas horas depois do presidente do Metrô, Luiz Carlos David, garantir que as obras da futura estação Fradique Coutinho seriam suspensas. "As obras continuam, não há suspensão das atividades. O que vai haver é uma coletiva de imprensa do Consórcio Via Amarela, ainda hoje, para explicar o que está acontecendo e como se dará o andamento das obras daqui pra frente", afirmou o presidente do Metrô na manhã de hoje.

Tudo somado, a questão que fica no ar é simples: por que diabos o governador José Serra ainda não demitiu o presidente do Metrô? Aparentemente, Serra prefere que ele se demita. Ainda assim, fica o enigma: por que o governador não usa a caneta e acaba logo com este enorme pepino herdado de Geraldo Alckmin e que pode contaminar a sua gestão?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.