quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Perguntar não ofende

O que os impolutos líderes do DEM e PSDB têm a dizer sobre a prisão de José Roberto Arruda, que até anteontem era cotado para vice na chapa de José Serra? Aliás, o governador falará sobre o assunto ou é mais um tema proibido das coletivas de imprensa? Bem, está aí a TV Brasil para fazer a perguntinha incômoda. Umazinha, como bem disse Janio de Freitas em artigo reproduzido no post anterior.

3 comentários:

  1. Inclusive, Luiz, esse assunto não foi aprofundado por nenhuma rede. Ninguém até hoje explicou por que o caso é chamado de "Mensalão do DEM". A meu ver - odeio a palavra mensalão, colada pela imprensa ao PT - a situação no Distrito Federal é referente a propina em troca de licitações, uma redistribuição de propina entre os responsáveis pelas escolhas das empresas de serviços no DF, coisa muito diferente do PT, no qual se tratava de caixa-dois para campanha eleitoral. A impressão que eu tenho é de a mídia, ao utilizar o termo "mensalão" neste caso, colar novamente, rememorar o caso do PT e amenizar o impacto no partido parceiro do PSDB.

    ResponderExcluir
  2. Caro Luiz Antonio,
    Seu Blog Entrelinha já está por muito tempo em Meus Favoritos e agora o estou seguindo, inclusive no TWITTER.
    Abraços,
    Saraiva

    ResponderExcluir
  3. "Sai daí, Zé!”

    Chega a ser divertido acompanhar o constrangimento da imprensa oposicionista na cobertura dos mensalões demo-tucanos. Cada novidade é acompanhada de menções aos escândalos petistas, como se todos os episódios fossem equivalentes em natureza e gravidade.
    José Roberto Arruda, figura manjadíssima desde os tempos de líder do governo FHC no Congresso (ohhh!!!), será sacrificado em cerimônia pomposa, purificadora, assim que as atenções começarem a debandar para cima de seu xará poderoso. E é sempre bom lembrar que a trilha que une os Josés não passa apenas pelo prefeito Gilberto Kassab.

    ResponderExcluir

O Entrelinhas não censura comentaristas, mas não publica ofensas pessoais e comentários com uso de expressões chulas. Os comentários serão moderados, mas são sempre muito bem vindos.